fbpx
Dom Pedro II quando idealizou a Caderneta de Poupança.

Éramos felizes e não sabíamos

Uma “entidade” que por décadas trouxe a tranquilidade e o “rentismo” ao bolso dos poupadores parece ter desaparecido, ou ao menos perdido sentido. A Caderneta de Poupança, por muito tempo considerada forma viável pela qual famílias menos abastadas conseguiam rendimento para suas reservas, se transformou e, com isso, parece ter se tornado o patinho feio do mercado financeiro.

Uma senhora de 160 anos; isso mesmo, instituída em 1861 por Dom Pedro II; a Caderneta de Poupança foi criada com o intuito de remunerar a uma taxa de 6% ao ano as economias de famílias dispostas a acumular reserva. Esse bom rendimento, por longos períodos, criou no brasileiro um hábito que hoje custa muito caro. 

Para ficar claro vamos contar um pouco da história da Caderneta de Poupança.

Foram algumas alterações ao longo dos anos, porém, traremos aqui somente a última.

Em maio de 2012, a mudança mais recente estipulou que os valores depositados em Poupança passariam a render da seguinte forma:

70% da Taxa Selic mais a Taxa Referencial (TR) quando a Taxa Selic estivesse igual ou inferior a 8,5% ao ano e;

6,17% ao ano mais a TR quando a Taxa Selic estivesse superior a 8,5% ao ano.

Ficou confuso? Vamos exemplificar: 

Atualmente a Taxa Selic Meta está definida em 2,75% ao ano. Por estar abaixo de 8,5% ao ano, os valores depositados, em Caderneta de Poupança, renderão 70% da Taxa + TR (Lei 12.703/2012). 

Taxa de rendimento da Poupança

Assim, 1,925% ao ano + TR (atualmente essa taxa é zero). Portanto, quem investe utilizando a Caderneta de Poupança tem um rendimento de 1,925% ao ano (mantendo condições atuais), ou seja, um valor inferior à inflação atual.

Exatamente, com um rendimento abaixo de 2% ao ano, o investidor que opta por deixar seu dinheiro em Poupança está vendo o seu dinheiro perder valor mês a mês. Se não bastassem as oportunidades perdidas, a inflação se responsabiliza a comprometer o pouco que sobra.

Depois desse susto costumamos ouvir a frase, “MELHOR DO QUE NADA!”.

Não temos como discordar disso. Porém, sabemos que “NADA” não é uma opção. Com a concorrência entre Corretoras e Bancos, as oportunidades que podem rentabilizar melhor o valor lançado à mão são diversas, SEM PREJUDICAR A SEGURANÇA DO INVESTIMENTO.

Não se preocupem, existem outros lugares para encontrarmos a felicidade. As oportunidades no mercado financeiro vão muito além daquelas que Dom Pedro II nos proporcionou, e falaremos mais sobre elas em próximas publicações.

No responses yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Av. Paulista, 1.450, 3º Andar

São Paulo – SP

Ouvidoria: 0800 724 8282

www.agorainvestimentos.com.br


Porto Alegre – RS

Rua Antônio Carlos Berta, Nº 475

Sala 2001



Curvelo - MG

Rua Tupinambás, Nº 309 

Sala 1



A Capse é uma empresa de agentes autônomos de investimento, autorizada pela CVM e constituída conforme a Instrução CVM Nº 497, para maiores informações acesse www.capse.com.br e www.cvm.gov.br. O Agente Autônomo de Investimento é um preposto da Ágora investimentos que atua na prospecção e captação de clientes, intermediação de negócios e prestação de informações sobre os produtos e serviços oferecidos pela Ágora. Portanto, não é permitido ao Agente Autônomo atuar como CONSULTOR, GESTOR ou ADMINISTRADOR de carteira, assim como procurador ou representante de clientes. Além disso, também não é permitido que o Agente Autônomo entregue a clientes ou deles receba, por qualquer razão, inclusive a título de remuneração pela prestação de serviços, quaisquer numerários, títulos ou valores mobiliários. Atualmente, a atividade dos Agentes Autônomos de Investimento é regida pela Instrução CVM nº 497. Nela você poderá encontrar, detalhadamente, toda a regulamentação pertinente. Sócios: Inácio Gaudie Ley Recena, Bruno de Andrade Alves, Felipe Augusto Marquetto Abrantes, Cassia Machado de Oliveira, Flavio Sachs Beylouni, Francisco Eduardo Köhler Dal Ri, Everaldo Luiz Boschetti, João Vitor Führ, Marcio Morel Correa Fichtner, Mateus Bueno Palermo, Naiana Natasche Bar, Natália De Almeida Portela, Renato Boaventura Diniz Oliveira e Roberto Muller Ely. Para informações e dúvidas, favor contatar seu Agente Autônomo de Investimento. É importante lembrar também que a Ágora investimentos está sempre à disposição de seus clientes, e se preferir um contato direto com a nossa equipe de atendimento, ficaremos satisfeitos em atendê-los. Em caso de dúvidas, entre em contato com a nossa Central de Atendimento. A Ágora investimentos toma todas as precauções razoáveis para assegurar que nenhum vírus esteja presente nesse e-mail, a empresa não poderá aceitar a responsabilidade por quaisquer perdas ou danos causados por vírus ou similares. As mensagens trocadas neste endereço são de propriedade da Ágora investimentos podendo ser objeto de prova para eventuais contestações e questionamentos judiciais e regulatórios.